2016/05/02

WhatsApp entra com recurso contra bloqueio do aplicativo

A empresa WhatsApp recorreu, no final da tarde desta segunda-feira (2/5), da decisão do juiz Marcel Montalvão, da comarca de Lagarto (SE), que ordenou às operadoras de telefonia fixa e móvel a bloquear o aplicativo por 72 horas, a partir das 14 horas de hoje (2/5). A informação foi divulgada pelo site Folha de São Paulo.

TIM confirma que composição da sua diretoria está sendo revisada

A TIM Participações disse que foi informada por sua controladora indireta, Telecom Italia, que uma possível mudança na administração da operadora brasileira está em revisão, antes de uma reunião na semana que vem em que ocorrerá a indicação de membros da diretoria.

Cinco alternativas para substituir WhatsApp durante bloqueio

Desde às 14 horas de hoje (2/5), os usuários do WhatsApp tiveram sua comunicação bloqueada. Por determinação da Justiça, as principais operadoras de telefonia móvel do Brasil tiveram de cumprir a ordem de bloquear o aplicativo de mensagens em todo o território nacional por 72 horas. A decisão é do juiz Marcel Montavão, de comarca de Lagarto, SE.

Usuários vão às redes sociais para reclamar sobre bloqueio do WhatsApp

Os serviços de troca de mensagens pelo aplicativo WhatsApp já estão bloqueados em todo o País por determinação do juiz Marcel Montalvão, da comarca de Lagarto (SE). A medida vale inicialmente por 72 horas, mas, se houver uma liminar derrubando a decisão, o serviço pode ser retomado antes desse prazo.

Bloqueio do WhatsApp é desproporcional e pune usuários, diz Anatel

O presidente da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), João Rezende, afirmou hoje (02) que o bloqueio do aplicativo WhatsApp em todo o País é uma medida desproporcional porque acaba punindo os usuários do serviço. “O WhatsApp deve cumprir as determinações judiciais dentro das condições técnicas que ele tem. Mas, evidentemente o bloqueio não é a solução”, acrescentou.