Marvio Portela é novo vice-presidente do SAS América Latina

EmpresasNegócios

Executivo assume o novo posto a partir de 1º de janeiro de 2018 e tem como meta dar continuidade ao crescimento da companhia na região e garantir presença em novos mercados. Marvio Portela é atualmente responsável pela área de Performance de Vendas e Novos Negócios na região Ásia-Pacifico.

O vice-presidente do SAS na América Latina terá sob seu comando um time de quase 500 profissionais, espalhados por Brasil, Argentina, Chile, Peru, Colômbia, Equador, México, Caribe e América Central.

O executivo é graduado em Engenharia de Sistemas da Computação pela Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ), com MBA em e-Commerce e em Telecommunications Management pela Fundação Getúlio Vargas (FGV-SP).

Com quase 20 anos de experiência no setor de TI, teve passagens por grandes empresas como Unisys, Xerox, BEA Systems, Oracle e IBM. Iniciou no SAS em 2010, como diretor sênior de Vendas para o Brasil.

Segundo o SAS, a escolha por Marvio Portela é resultado de alguns fatores, como o bom trabalho que ele desempenhou nos últimos 18 meses na Ásia-Pacífico e o forte conhecimento no mercado da América Latina e experiência na liderança de equipes de vendas. 

“As conquistas do Marvio ao longo dos últimos anos e a sua capacidade de liderança fizeram dele o candidato ideal para a posição. Tenho certeza de que ele irá focar nos pontos fortes do time da América Latina e irá maximizar o crescimento e o impacto da região”, afirma Nick Lisi, vice-presidente global de Vendas do SAS.

“Foi uma experiência na qual tive a possibilidade de participar de decisões importantes envolvendo os 14 países da Ásia-Pacífico, atuando no desenho e execução dos planos estratégicos para sustentar o crescimento do SAS na região. Isso me deu um preparo adicional para a mudança que estou vivenciando agora. Além disso, a proximidade que passei a ter com a sede do SAS (em Cary, na Carolina do Norte) me permitirá obter maior velocidade para conseguir o suporte e os investimentos necessários para a América Latina, buscando o crescimento desse mercado”, explica Portela.

De acordo com o executivo, suas metas iniciais serão dar sequência ao volume de crescimento e criar uma relação de unidade entre as lideranças da região, entender as necessidades das principais indústrias e clientes, as estratégias, as prioridades e definir como o SAS vai trabalhar para que todas as entregas se tornem ainda mais viáveis e eficientes.

Em paralelo, Portela trabalhará num planejamento estratégico para os próximos três anos, visando manter o crescimento nas áreas onde o SAS já lidera e aumentar os investimentos em segmentos como Cloud, RaaS (Result as a Service), IoT, Inteligência Artificial e outras tecnologias emergentes.

“Para atingir esse objetivo, temos que trazer cada vez mais inovação para o mercado, seguir investindo onde já somos líderes, e explorar novos territórios. Esse conjunto de ações irá permitir mantermos o nível de crescimento desejado”, explica.

Toda essa estratégia de crescimento irá depender, e muito, de um forte trabalho com parceiros e canais. “Uma boa estratégia de parcerias é fundamental para o crescimento da companhia na região. É a melhor forma de ganhar profundidade e capilaridade”, finaliza.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor