MoObie chega a Campinas para impulsionar geração do compartilhamento

NegóciosStartup

A moObie iniciou recentemente sua operação em Campinas. Com esta chegada, os campineiros que possuem carros poderão alugá-los para outras pessoas.

A moObie iniciou recentemente sua operação em Campinas. Com a chegada da plataforma, os campineiros que possuem carros poderão alugá-los para outras pessoas, enquanto não estão usando, e fazer um dinheiro extra. Já quem ainda não possui um veículo, mas precisa de um temporariamente, pode alugar de alguém de sua vizinhança ou de bairros próximos.

Até o momento, cerca de 2.500 usuários já estão cadastrados na cidade e dezenas de carros estão disponíveis. O movimento visa contribuir para cidades mais inteligentes e colaborativas, criando uma relação de troca e ganho para todos e oferecendo como vantagem o fato de não colocar novos carros na rua, mas utilizar o potencial dos que estão ociosos nas garagens.

Atualmente a moObie é a maior plataforma de compartilhamento de carros do país, com mais de 80 mil usuários. O lançamento da operação em Campinas é um marco para a empresa, que está em expansão no estado de São Paulo. “Com a presença de diversas indústrias e multinacionais, além da proximidade com cidades turísticas, o compartilhamento é uma boa opção para quem está ou mora em Campinas, principalmente pela preocupação das próximas gerações com a mobilidade urbana”, conta Tamy Lin, CEO da moObie.

Até 2025 deve ser movimentado mais de US$ 335 bilhões em negócios relacionados ao mercado mundial de compartilhamento, segundo recente levantamento da consultoria PwC. “Pessoas de todo o mundo estão cada vez mais compartilhando seus bens, que vão de casas, carros e objetos que, até pouco tempo, eram considerados impensáveis de abrir mão em prol de outras pessoas que não teriam acesso. Vejo no Brasil um grande potencial para fazer parte cada vez mais dessa inclusão de uma geração inteira que terá no compartilhamento um modo de estar no mundo, prova disso é que crescemos 1.400% em número de usuários cadastrados na plataforma desde a nossa chegada ao mercado em abril de 2017”, conta Tamy.

A locação acontece de Pessoa para Pessoa (P2P) por meio de um app intuitivo e prático. O condutor que precisa de um carro cadastra o cartão de crédito e a CNH pelo celular, que é avaliada pelo time da moObie quanto à validade e regularização, além de outros critérios que garantem a segurança da comunidade. O proprietário cadastra seu carro que passa por uma validação na qual são verificados a situação junto ao Detran/Denatran, vigência do seguro e critérios de elegibilidade.

Depois de cadastrado, o interessado acessa o app para buscar o veículo disponível mais indicado à sua necessidade em um mapa de localização, verifica preço e solicita a reserva. Do outro lado, o dono visualiza o pedido e tem autonomia para aceitar ou não a solicitação na data especificada, de acordo com sua disponibilidade. O pagamento é feito no ato da confirmação da reserva via cartão de crédito do condutor e entra na conta do proprietário do carro cadastrada na moObie em datas pré-definidas.