CIAB | Criptomoeda é “algo muito excêntrico e arriscado”

EmpresasFinançasGestãoInovaçãoNegócios

Em palestra realizada no CIAB 2018 com o tema transformação digital, o presidente do Itaú, Cândido Bracher, contou como a instituição está a trata da sua digitalização, apresentados  estratégias adotadas e manifestou a importância para o setor das fintechs.

O presidente do Itaú foi  dizendo que embora as fintechs fertilizam o mercado, o  crescimento em eficiência e “grandes produtos”, que estas demonstram, ao mesmo tempo que contrapõe as dificuldades, torna difícil a estas empresas oferecer um conjunto completo de serviços.

Sobre criptomoedas, embora reconheça que são inovadoras, o presidente do Itaú as define como “algo muito excêntrico e arriscado” devido à sua volatilidade. Também afirma que suas consequências estão longe de ser avaliadas por todos. “É uma experiência interessante a ser acompanhada, mas não fará grande diferença no mercado financeiro no curto prazo,” sentencia.

Sobre a transformação digital, o executivo explica que atualmente, as transformações são dinâmicas e não mais em etapas, uma após a outra até atingir a estabilidade. “É uma jornada, o que torna necessário preparar o banco para mudar permanentemente.”

E comenta que a escolha do Itaú Unibanco foi de não separar o antigo do novo. Nesse sentido, a instituição aceitou o desafio de transformar o legado, em um processo contínuo, onde convivem o antigo com o novo.

Bracher salientou ainda que a revolução digital é algo sobre pessoas. “Para superar questões culturais, o caminho é a gestão de recursos humanos.” E enumera três elementos fundamentais: nossas pessoas, como ele chama os colaboradores do Itaú Unibanco, tecnologia e clientes. “Tem que haver mudanças na gestão de pessoas, para que os ciclos de entrega sejam cada vez menores, em um trabalho colaborativo,” disse. O banco quer formar pessoas dentro dessa nova realidade e criar um ambiente de empreendedorismo, com grupos que trabalham cooperativamente e próximo às startups. “Contaminando o banco com espírito de empreendedorismo”, conclui.

Read also :

Click to read the authors bio  Click to hide the authors bio