Blockchain: Brasil faz registro do primeiro contrato

Inovação

Legalizado em Outubro, o documento foi feito por via de uma plataforma experimental.

Foi num cartório do Paraná que se registrou o primeiro contrato através do blockchain no Brasil.

Neste caso, foi utilizada uma plataforma experimental que se criou especificamente para avançar na elaboração de instrumentos processuais dinâmicos.

O documento foi legalizado há cerca de dois meses, em um tabelionato de notas comum.

No entanto, por se tratar de um smart contract, pode ser “ligado” ou “desligado” automaticamente por qualquer uma das partes sem ser preciso avançar com uma revogação total.

O blockchain é uma tecnologia de registro distribuído que permite às partes interessadas validar e armazenar transações através da Internet, de forma anônima.

Permite também que isto seja feito de forma descentralizada e garantindo total proteção da privacidade.

Os contratos inteligentes utilizam este recurso para garantir que as cláusulas sejam cumpridas, ou que uma ação seja executada ao serem atingidas algumas condições muito particulares.

Read also :