Projetos inovadores receberão apoio de programa do Ministério da Economia

Empresas

Serão selecionados até 450 projetos inovadores e de empreendimentos de impacto socioambiental em fase inicial.

Se tem uma ideia e não sabe como tirar do papel ou elaborou um projeto inovador, mas ainda não encontrou um modelo de negócio, está com a oportunidade de contar com a orientação de incubadoras e aceleradoras do Brasil gratuitamente e de forma 100% online.

Para isso, é preciso se inscrever no edital de chamada pública do Programa Ideiaz – Powered by InovAtiva, realizado pela Secretaria Especial de Produtividade, Emprego e Competitividade do Ministério da Economia, em parceria com o Sebrae e a Associação Nacional de Entidades Promotoras de Empreendimentos Inovadores (Anprotec).

O objetivo do programa é apoiar a estruturação e desenvolvimento de projetos inovadores em estágio inicial e projetos de empreendimentos de impacto socioambiental.

“Estamos preparados para ajudar todos os empreendedores que tenham ideias para transformá-las em negócios e, futuramente, transformem startups em melhores produtos e serviços para todo o mercado brasileiro”, ressaltou o coordenador-geral de Empreendedorismo Inovador e Novos Negócios do Ministério da Economia, Rafael Wandrey.

Os selecionados vão contar com o apoio de 35 incubadoras e aceleradoras do Brasil. Cada projeto selecionado vai ser acompanhado por 10 semanas e receber, no mínimo, 25 horas de capacitação, sendo 15 horas de forma individual.

Além disso, os contemplados vão receber mentorias, consultoria organizacional, suporte tecnológico, suporte para formalizar o negócio e qualificar esses empreendedores.

“Ao final do ciclo, o objetivo é que todos esses projetos cheguem com seu modelo de negócio estruturado e validade, que tenham um protótipo já desenvolvido, seja do seu produto ou serviço, levado a potenciais clientes e também uma apresentação, um pitch de venda do seu negócio, do seu produto, da sua solução, para que possam avançar no início dessa carreira empreendedora”, explicou Rafael Wandrey.

De acordo com o Ministério da Economia, no primeiro semestre, o Programa Ideiaz – Powered by InovAtiva selecionou cerca de 150 projetos que estão recebendo consultoria.

Os projetos em estágio inicial não devem ter o modelo de negócio consolidado e o produto ou serviço objeto ainda não foi comercializado.

Serão selecionados até 450 projetos inovadores e de empreendimentos de impacto socioambiental. Os interessados têm até o dia 23 de agosto para fazerem as inscrições.