Puma acelera transferências de dados com Azure

Cloud

Com a solução em nuvem, a marca esportiva conseguiu integrar todos os seus escritórios ao redor do mundo e realizar transferência de dados de forma ágil e rápida.

A marca de roupas esportivas Puma impulsionou sua transformação conectando todos os seus escritórios internacionais na WAN Virtual do Microsoft Azure.

O serviço reúne diversas funcionalidades de rede, segurança e roteamento para fornecer uma interface operacional, que pode ser acessada por todas as filiais da marca ao redor do mundo.

Antes de implantar a solução, a Puma usava cerca de 1.500 túneis VPN – Rede Privada Virtual – para conectar apenas 100 locais, “o que não era favorável à velocidade de troca de dados”.

A empresa agora mantém “um ambiente extenso do Azure com infraestrutura que se estende a seis regiões principais da nuvem”, tendo seus hubs de TI em seus três mais importantes datacenters em Herzogenaurach (Alemanha), Boston (Estados Unidos) e Hong Kong.

De acordo com Fabian Hausner, líder de equipe para entregas de TI na Puma, a implementação rendeu resultados quase imediatos.

“Quando apresentamos o Virtual WAN, nossos funcionários ficaram muito satisfeitos com a velocidade, o que impulsionou a adoção da nuvem”, conta Hausner.

“Assim que integramos a região Ásia-Pacífico à WAN Virtual do Azure, a conectividade com nossos serviços centrais melhorou. A latência é reduzida para todos os nossos locais”, disse ainda.

Além de “melhorar a conectividade entre seus escritórios e simplificar o gerenciamento”, a infraestrutura de rede do Azure “também facilita a conformidade com a lei de proteção de dados ao mesmo tempo em que agiliza as transferências”, refere a Microsoft.

O investimento em nuvem da Puma alimenta sua mentalidade “Forever Faster”, “com o foco sempre na velocidade”.

“O uso da nuvem e a integração das ferramentas Microsoft têm um papel essencial na rapidez de nossas entregas de soluções para unidades de negócios e clientes internos”, complementa Hausner.