Sony, Panasonic e NHK formam consórcio para 8K

No Japão já estão sendo testadas transmissões 8K. Durante os Jogos do Rio, foram geradas em torno de 100 horas de transmissões com a tecnologia – embora as telas das televisões não estejam ainda preparadas para essa definição. Tanto a NHK quanto outras redes de TV no Japão planejam iniciar transmissões regulares em 8K em 2018.

publicidade

Já a Sony promete ter televisões 8K ao mercado a tempo da próxima edição dos Jogos Olímpicos, Tóquio 2020.

Todavia, esse consórcio chega num momento em que o 4K ainda nem é padrão do mercado, com preços muito altos para televisões com essa ultra-alta definição (UHD). Mas Sony, Panasonic e NHK estão já de olho na próxima grande coisa, e ela será o 8K.

Segundo o portal Advanced Television, a cooperação entre as empresas tem como objetivo desenvolver a tecnologia nas televisões para que suportem as transmissões em vídeo 8K. Essa nova ultra-alta definição, chamada de “Super Hi-Vision“, tem quatro vezes mais resolução que o 4K.

publicidade

O consórcio será liderado pela NHK. A fabricante Socionext, que resultou da fusão entre as divisões de chips da Fujitsu e da Panasonic, estará envolvida no desenvolvimento da próxima geração de processadores para essa nova era do vídeo.

Há um detalhe interessante nessa iniciativa. É que as marcas sul-coreanas LG e Samsung levam vantagem na tecnologia de ponta do mercado de televisões e telas nos últimos anos. As marcas japonesas perderam terreno e agora querem recuperá-lo, investindo já naquela que será a próxima geração.

Por outro lado, tanto a Sony quanto a Panasonic têm câmeras, de consumo e profissionais, e poderão se beneficiar do consórcio levando a tecnologia mais rapidamente para seus produtos.

Entre 17 e 20 de outubro, a NHK irá demonstrar transmissões em 4K e 8K na feira MIPCOM em Cannes, França.

publicidade

 

O que você achou? Siga @bitmagazineoficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

Veja mais ›
Fechar