Quais características o mercado busca hoje no CIO? Confira as 4 principais

EmpresasGestãoNegócios

Recrutar executivos não é tarefa fácil. Do outro lado, sofre quem precisa ajustar o currículo (CV, na sigla em latim) constantemente a fim de torná-lo mais atraente. Isso porque quando o mercado muda, mudam as exigências. Mas Ana Claudia S. Reis, sócia da The Caldwell Partners no Brasil, empresa internacional de recrutamento de executivos, garante que esse processo é composto por várias etapas, justo para extrair do candidato informações muito além do CV.

Segundo Ana, na fase de seleção, a empresa analisa o comportamento, personalidade e atitude em diversas situações, claro, baseadas no cargo que o profissional irá assumir na sua área de atuação.

Além de fatores fundamentais, prossegue a executiva, como a formação acadêmica, são consideradas as habilidades particulares de cada candidato, justamente aquelas que irão diferenciar um concorrente do outro. “Em muitas vezes, é desafiador identificá-las, visto que as empresas procuram profissionais específicos, de acordo com a necessidade de negócios naquele período”, revela.

Para facilitar o preparo do profissional interessado em uma vaga de CIO, a especialista da área de tecnologia e headhunter, mostra, a seguir, quatro das principais características, muito além do CV, que as empresas estão buscando nesses executivos para comandar as suas áreas de Tecnologia da Informação.

  1. Comunicação: É essencial que o CIO possua uma boa capacidade de comunicação. Ela não se faz necessária apenas no ambiente corporativo, em que as reuniões e apresentações são constantes, mas em todos os outros processos do negócio, como o relacionamento com time, fornecedores, Conselho e colegas de trabalho. A falta dessa habilidade interfere na satisfação dos profissionais que se relacionam com esse executivo, desencadeando falhas nas linhas de negócios.
  2. Mentoria e engajamento: O sucesso de uma empresa não é conquistado somente pela ótima gestão dos seus líderes. O retorno das ações surge pelo esforço de equipes competentes. Saber engajar e atuar como mentor dos seus times garante ao CIO um resultado acima da média em seus projetos.
  3. Estratégia e proatividade: Observar novas tecnologias vitais para clientes e para a própria empresa deve fazer parte do olhar estratégico do CIO. Mais do que isso, ele deve ser apto e proativo a identificar o que é oportunidade estratégica e de negócio.
  4. Visão de futuro: Sabemos que, no mercado corporativo, há uma competição natural, na qual as empresas buscam espaço para serem bem-sucedidas. Um CIO competente deve sempre superar os resultados e se posicionar com qualidade no mercado.

Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor