Startup recebe aporte de US$ 1,3 milhão e quer investir no Brasil

NegóciosStartup

A Plataforma global ucraniana Preply, que presta serviços que ajuda as pessoas a encontrar professores on-line e locais de idiomas, matérias escolares e vários hobbies, arrecadou US$ 1,3 milhão em aportes de investidores.

O grupo de investidores-anjos é composto por Mariusz Gralewski (CEO da DocPlanner, Polônia), Przemysław Gacek (Grupa Pracuj, Polônia), Arthur Kosten (Booking.com) e Hedgehog Fund (Polônia) com a participação das empresas de risco RTAVentures internacionais VC, Xevin Investments (Polônia), Digital Future (Ucrânia), SMRK (Ucrânia), e Techstars (EUA / Alemanha), e outros investidores-anjo em uma rodada de investimentos chamada “Seed Round”.

“Todos que apoiam a Preply em sua missão de tornar a educação acessível para todos estão investindo em um mundo melhor. Apreciamos os novos parceiros, bem como a equipe Preply e a comunidade. O acordo deste ano comprova a nossa reputação de excelência e inovação no setor da educação”, diz Kirill Bigai, CEO da Preply.

Desde 2015, a startup Preply, que atua também no Brasil, fez a transição do programa de aceleração do Techstars Berlin, aumentando a equipe principal em cinco vezes e as receitas em dez vezes. Isso atraiu um alto perfil de investidores-anjo e executivos que iniciaram o financiamento “semente”.

A iniciativa irá apoiar o desenvolvimento no longo prazo de produtos Preply para professores particulares, e crescimento alcance de mercado, além de alimentar ainda mais a expansão e operação da empresa no Brasil. A fim de alcançar esse objetivo, a startup abrirá novas vagas.

Segundo Mariusz Gralewski, fundador e CEO da DocPlanner.com, o mercado de aulas particulares é enorme e continua pouco explorado globalmente. Ele acredita que a empresa tem a equipe empreendedora certa para ganhar este mercado globalmente.


Clique para ler a bio do autor  Clique para fechar a bio do autor