Bem-vindo à primeira cidade flutuante do mundo!

Não, você não leu errado. Um dos efeitos de ficção científica mais famosos se tornará realidade em Busan, na Coreia do Sul. A localidade agora será conhecida por abrigar o primeiro protótipo de cidade flutuante de todo o mundo. 

publicidade
Bem-vindo à primeira cidade flutuante do mundo!
(Imagem: BIG-Bjarke Ingels Group/Cover I)

O projeto denominado e OCEANIX conta com o apoio de cientistas da Organização das Nações Unidas (ONU). A criação da primeira cidade flutuante foi anunciada ainda em 2021 e já possui algumas imagens de como será este novo conglomerado. Entenda a seguir!

Estrutura da cidade flutuante

De acordo com o projeto, a cidade flutuante terá plataformas interligadas que irão cobrir 15,5 acres, espaço capaz de acomodar 12 mil pessoas. A construção da OCEANIX deve ter um custo aproximado em US$ 200 milhões, com previsão de conclusão em 2025.

publicidade

Na oportunidade, o CEO da OCEANIX, Philipp Hofmann, reforçou que o projeto da cidade flutuante será capaz de provar que este novo modelo de infraestrutura pode criar novas terras para cidades costeiras que prezam pela sustentabilidade. Nota-se também a possibilidade de expansão além do oceano, sem impactar o meio-ambiente enquanto se adapta ao aumento do nível do mar.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Vantagens de construir um lugar assim

Na visão dos criadores, a cidade flutuante poderá ajudar as pessoas que residem em regiões costeiras e que correm o risco de dizimação devido ao aumento do nível do mar. Com base nos dados obtidos através do projeto OCEANIX, duas em cada cinco pessoas por todo o mundo vivem a 100 quilômetros da costa, e sofrem com inundações que forçam milhões a abandonar as casas. 

Segundo o fundador e diretor criativo, Bjarke Ingels, o bairro marítimo modular do OCEANIX trata-se de um protótipo para cidades sustentáveis e resilientes. A intenção é que o projeto também possa expandir o caráter e a cultura únicos da cidade da terra seca para a água ao redor. 

publicidade

“Acreditamos que as plataformas flutuantes da OCEANIX podem ser desenvolvidas em escala para servir de base para futuras comunidades resilientes nos locais costeiros mais vulneráveis ​​na linha de frente das mudanças climáticas”, completou.

A cidade flutuante será construída sobre uma deslumbrante lagoa azul, distribuída entre bairros separados entre moradia, pesquisa e hospedagem, tudo em prédios baixos. Todas as estruturas serão construídas abaixo de sete andares para criar um centro de gravidade baixo e resistir ao vento.

Caso a viabilidade do protótipo faça sucesso, a meta é para que, no futuro, a cidade flutuante possa acomodar mais de 100 mil pessoas. Vale pontuar que cada ilha será construída em formato hexagonal e contará com um revestimento de calcário de duas a três vezes mais duro que o concreto, embora continue sendo flutuante.

Galeria de imagens

Bem-vindo à primeira cidade flutuante do mundo!
(Imagem: BIG-Bjarke Ingels Group/Cover I)
publicidade
Bem-vindo à primeira cidade flutuante do mundo!
(Imagem: BIG-Bjarke Ingels Group/Cover I)
Bem-vindo à primeira cidade flutuante do mundo!
Imagem: BIG-Bjarke Ingels Group/Cover I)
Bem-vindo à primeira cidade flutuante do mundo!
(Imagem: BIG-Bjarke Ingels Group/Cover I)
Bem-vindo à primeira cidade flutuante do mundo!
(Imagem: BIG-Bjarke Ingels Group/Cover I)

O que você achou? Siga @bitmagazineoficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

Veja mais ›
Fechar