Elon Musk toma atitude contra bots no Twitter

A aquisição da plataforma de rede social Twitter pelo homem mais rico do mundo, Elon Musk, já deu muito o que falar. Agora, após encontrar o que ele considera inconsistências nos dados apresentados pela equipe da plataforma e posteriormente dando uma pausa nas negociações, o empresário recorreu à SEC para investigar o possível problema de contas falsas no Twitter.

publicidade
Elon Musk recorreu à SEC
Musk procura à SEC para investigar bots no Twitter (Imagem: Benjamin Dada on Unsplash)

Nos últimos meses, Musk teve bastante problemas com o Securities and Exchange Commission (SEC), o órgão regulador do mercado de capitais americano. Mas parece que o CEO da Tesla já esqueceu tudo e agora pede ajuda ao órgão para que o auxilie em sua nova empreitada.

Problemas na negociação

O pedido vem após o empreendedor deixar suspensa a aquisição da rede social pelo valor de US$ 44 bilhões. Segundo ele, a operação não pode ser levada adiante até que a plataforma consiga comprovar que o número de contas falsas na rede social é inferior a 5% do total de contas ativas. 

publicidade

Ao responder a um internauta sobre o andamento das negociações ele comentou ter pedido à SEC que investigasse o caso. Ele aproveitou ainda para dar uma “leve cutucada” no órgão, marcando seu perfil oficial no Twitter e perguntando: “tem alguém aí?”

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Elon Musk recorreu à SEC para investigar os dados do Twitter

A relação entre o CEO da Tesla e a Sec não é das melhores. Antes mesmo de ter toda essa conversa sobre a aquisição do Twitter, a SEC já tinha se movido contra o empresário por outros motivos, chegando até a tentar restringir sua liberdade em relação ao conteúdo que ele postava na rede social.

Novamente, após Elon ter adquirido mais de 9% das ações da plataforma a SEC tentou intervir de várias maneiras. A pressão do órgão sobre o empreendedor só diminuiu após as negociações envolvendo a compra total do Twitter.

publicidade

Dessa vez, Musk é quem está procurando ações por parte do órgão, que tecnicamente seria um dos responsáveis por garantir que as informações que o Twitter repassou durante as negociações são verídicas, pelo menos na visão de Elon Musk.

Na semana passada, ele disse que a oferta na rede social estava “temporariamente suspensa” visto que ele desconfiava que a equipe do Twitter havia mentido sobre os números relacionados a perfis falsos.

O próprio CEO da rede social comentou que fazer medições precisas sobre esses números é uma tarefa extremamente difícil, mas que estaria disposto a repassar os números com Musk.

No momento as negociações ainda não foram retomadas e Elon Musk parece estar fazendo uma série de ataques à rede social através do seu perfil no Twitter.

O que você achou? Siga @bitmagazineoficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

publicidade
Veja mais ›
Fechar