Haja paciência! Netflix pode ter anúncios em breve

Todos os assinantes do Netflix estão acostumados a uma interface fluída e sem interrupções, o que é um grande ponto positivo para qualquer pessoa. Entretanto, é possível que o serviço passe a usar propagandas para conseguir manter o orçamento no verde, graças a uma perda de receita com a chegada de novos streamings.

publicidade
Netflix
Foto: Divulgação

O Disney+, por exemplo, já possui um plano nos Estados Unidos com anúncios e que vem atraindo milhões de pessoas devido ao baixo custo. Além disso, HBO Max, Hulu e Prime Vídeo também já contam com anúncios integrados em suas plataformas.

A estratégia funciona como uma forma para evitar o aumento de preço das assinaturas. A da Netflix, aliás, é a mais cara da atualidade (o mesmo tempo em que o seu catálogo já não é considerado melhor do que os das concorrentes). Por isso, os anúncios podem ser uma solução para a plataforma.

publicidade

Netflix pode estar sem alternativas

Entretanto, a Netflix disse que não pretende veicular anúncios tradicionais. Mas os especialistas do setor de publicidade não têm tanta certeza de que esse será o caso. Durante um painel que aconteceu nesta segunda-feira (7) no Digital Content, nos EUA, executivos do YouTube e de outras grandes empresas de tecnologia foram questionados sobre a Netflix ficar livre de anúncios.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Bem, não é isso que os recrutadores dizem”, disse Tara Walpert Levy, vice-presidente de soluções de agência e mídia do YouTube e Google. “Eles vão precisar de crescimento. Eventualmente, eles vão precisar de mais crescimento.”

Outra especialista, Kristin Lemkau, disse ainda  que os consumidores estariam abertos a opções suportadas por anúncios se essas opções fossem transparentes e os consumidores entendessem a troca de valor.

publicidade

O consumidor quer escolha e quer algo que crie valor para ele”, disse Lemkau. “Na medida em que você tem esta versão de assinatura versus a versão sem assinatura, os consumidores aceitarão essa troca.”

Streaming pode criar planos custo-benefício

Agora, é esperar os próximos meses e ver o posicionamento oficial da empresa e qual estratégia vai ser adotada por ela. Se os anúncios vão ser incorporados em planos mais básicos, como uma troca de custo-benefício com o consumidor, ou se eles vão estar em todos os planos de forma mais suave.

E você, o que acha de anúncios nas plataformas de streaming em troca de planos mais básicos?

O que você achou? Siga @bitmagazineoficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

Veja mais ›
Fechar