Meg Whitman

HP vai demitir mais de 33 mil funcionários

A HP vai despedir mais de 33 mil funcionários, ao longo dos próximos 3 anos. A empresa, que está em processo de divisão do negócio em duas unidades independentes, está a procurar atenuar as perdas sofridas pela queda do número de vendas.

Meg Whitman: CEO e agora também Chairman

Ralph Whitworth, que era até agora Chairman da HP, demitiu-se por razões de saúde, pelo que a empresa decidiu nomear Meg Whitman, atual CEO da companhia, para a função. A executiva passa a acumular os dois cargos. Mas esta não foi a única novidade a nível de mudanças no conselho de administração da HP, pois

HP prepara nova redução maciça de funcionários

A HP continua a fazer mudanças na sua estrutura e prepara-se para despedir cerca de 16 mil funcionários em mais uma tentativa de reduzir custos e aumentar margens de lucro. Meg Whitman, CEO da HP, iniciou um já longo processo de restruturação na empresa, que visava reduzir a dependência da empresa do negócio de computação

HP prepara-se para lançar ideia de smartphone low-cost

A Hewlett-Packard está a apostar no mercado de dispositivos de baixo custo. O novo smartphone, que ainda não tem qualquer nome, promete revolucionar o acesso da população mundial a este tipo de aparelhos. Sabe-se apenas que vai ter o sistema operativo Android. A afirmação foi feita pela CEO da companhia norte-americana Meg Whitman, que já

CEO da HP recebe aumento após alta de papéis em 2013

A presidente-executiva da Hewlett-Packard (HP) Meg Whitman desistiu de seu salário simbólico de 1 dólar e agora recebe um salário-base anual de 1,5 milhão de dólares, refletindo o ganho de 93 por cento nos papéis da empresa no acumulado deste ano. Meg, a terceira pessoa a ocupar o cargo em quatro anos, está guiando a