WannaCry

WannaCry ainda prevalece

Conhecido como “WannaCry”, o ransomware se espalhou como um incêndio e afetou indiscriminadamente PC em todo o mundo, desde empresas a entidades do governo.

Ransomware WannaLocker atinge Android

Cibercriminosos estão utilizando uma cópia do temido ransomware WannaCry para atingir usuários do Android. Por enquanto, a ameaça foi detectada apenas na China, de acordo com a empresa de segurança Avast.

WannaCry: ataques têm ligação com o Grupo Lazarus

As ferramentas e infraestrutura usadas nos ataques do ransomware WannaCry têm forte ligação com o grupo Lazarus, responsável pelos ataques que aconteceram no sistema da Sony Pictures, em 2014, e roubo de US$ 81 milhões do Banco Central de Bangladesh, que ocorreu em 2016.

Especialistas explicam como evitar contaminação do ransomware Wannacry

O ataque da passada sexta-feira que afetou empresas em todos o mundo e mais de 200 mil máquinas continua tendo repercussões dado que os criminosos demandavam pagamento de resgate até o dia 19 de maio, antes de apagarem todos os  dados criptografados. Os especialista da CIPHER, empresa global de segurança cibernética, ensinam os usuários a evitar este ransomware e algumas dicas para tentar limpar o vírus do computador.

Microsoft diz que empresas e governos devem trabalhar juntos contra ciberataques

O ataque de larga escala que ocorreu na sexta-feira e se teme que possa voltar, é algo “que não tem precedentes” disse o diretor da Europol, Rob Wainwright, à ITV. O malware WannaCry atingiu mais de 150 países e a Microsoft, desenvolvedora do sistema operacional afetado, reagiu afirmando que “os governos do mundo inteiro devem tratar esse ataque como uma chamada de atenção.”

Ataque de ransomware de larga escala afeta empresas europeias

Vários computadores em Espanha, Portugal, Inglaterra e Alemanha foram bloqueados num ataque de larga escala que afetou, entre outras organizações, a Telefónica. O site português Observador refere que a Portugal Telecom, a EDP (companhia elétrica nacional de Portugal) e a operadora NOS estão entre as companhias afetadas.