Tinta especial pode usar luz ambiente para gerar energia elétrica

O crescimento da energia solar nos últimos anos é incomparável. Mas agora, a coroa deste sucesso foi repassada a uma tinta especial invadora capaz de usar a luz ambiente para gerar energia elétrica.

publicidade
Tinta especial pode usar luz ambiente para gerar energia elétrica. (Imagem: Reprodução/BBC Londres)

A ação é resultado da forte adesão dos consumidores por fontes de energia limpas e renováveis. A troca é proveniente da conscientização ambiental em conjunto com a economia e vantagens obtidas com o uso da luz solar. 

Isso porque ela permite a recuperação rápida e ágil devido à redução drástica no valor pago à distribuidora de energia elétrica. As novas tecnologias contribuem cada vez mais para este propósito. 

publicidade

Exemplo dessa investida é justamente a tinta especial com o poder de capturar a luz solar e convertê-la em energia elétrica. Essa tecnologia gera grandes e positivas expectativas, considerando o poder de incentivo pelo uso deste tipo de recurso especialmente devido aos custos bastante atrativos. 

NOTÍCIAS RELACIONADAS

A intenção deste projeto é otimizar a aplicação de energia solar em todo o planeta Terra. Para isso, várias pesquisas têm sido feitas por pesquisadores do Royal Melbourne Institute of Technology (RMIT).

Entenda o funcionamento da tinta especial

A tinta especial solar é projetada com o propósito de capturar a luz do sol, e então convertê-la em energia elétrica. Uma simples camada desta tinta pode ser pintada sobre qualquer tipo de material, como paredes ou superfícies plásticas. 

publicidade

A tinta especial possui em sua composição uma química que consegue absorver a luz solar e repelir toda a umidade. O resultado é a maior durabilidade e resistência quanto à exposição no ambiente, tendo em vista a ocorrência da separação do oxigênio e hidrogênio. 

Assim, fica mais fácil transformar o oxigênio em combustível quando ela é empregada na célula de energia. No geral, a tinta especial é basicamente um tipo de tinta com compostos químicos específicos, capaz de absorver a luz do sol enquanto evapora a água do ambiente ao mesmo tempo. 

É importante explicar que é justamente este tipo de processo que é responsável pela quebra de vapor em moléculas de hidrogênio e oxigênio. Assim, torna-se possível o uso visando a geração de energia limpa. 

Tipos de tinta especial 

A tinta especial mais comum é a tinta solar de hidrogênio, embora existam outros dois tipos que ainda não estão à venda no mercado, pois permanecem em fase de pesquisa. Um deles é a tinta fotovoltaica, que também pode ser chamada de células solares de ponto quântico. 

publicidade

Essa tinta foi elaborada na Universidade de Toronto, e é semicondutora em nanoescala, tornando possível a absorção da luz e a transformação em energia elétrica.

Outro modelo é a tinta solar “perovskita”, composta por um substância proveniente de um mineral de óxido de cálcio e titânio. Uma das principais características deste modelo é a capacidade de se tornar líquida, fazendo com que seja ideal para a pintura solar. 

O que você achou? Siga @bitmagazineoficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

Veja mais ›
Fechar