A novela dos US$ 44 bilhões está mais perto do fim com chuva de dados do Twitter

O bilionário da tecnologia, Elon Musk, deu mais um passo rumo à compra do Twitter. Há alguns meses, quando decidiu fazer uma oferta pela plataforma, o empresário notou algumas inconsistências e decidiu solicitar dados para dar continuidade a uma pesquisa sobre a plataforma. 

publicidade
Elon Musk tem pedido atendido e dá mais um passo rumo a compra do Twitter
Elon Musk tem pedido atendido e dá mais um passo rumo a compra do Twitter. (Imagem: Cláudio Schwarz/Unsplash)

Em abril deste ano, Elon Musk adquiriu 9,6% das ações da rede social, tornando-se o maior acionista da empresa. Dias mais tarde, ele fez a oferta de compra por um preço equivalente a R$ 205 bilhões.

A princípio, Elon Musk iria investir US$ 44 bilhões na compra do Twitter. Foi quando, em maio, ele decidiu cessar as negociações para estudar algumas falhas e identificar o número de contas falsas na plataforma. 

publicidade

Os trâmites foram persistentes nos últimos meses. Neste período, o empresário chegou a enviar uma carta através de representantes para a Comissão de Títulos e Câmbio dos EUA

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Em determinado momento ele ameaçou abandonar o acordo, acusando a rede social de não liberar os dados requeridos. Entretanto, a conquista foi possível somente após vários trâmites legais entre ambas as partes. 

Segundo o Mix Vale, a previsão feita pelo Twitter é que, menos de 5% das 229 milhões de contas cadastradas na plataforma sejam falsas ou gerenciadas por robôs. Mas em um contraponto feito a partir de uma análise pessoal do bilionário, o número real pode chegar à casa dos 20%

publicidade

A confiança na própria estimativa é tanta que ele arriscou interromper o processo de compra até que o cedessem os dados. 

Devido à natureza dos dados fornecidos pelo Twitter, acredita-se que seja extremamente difícil até para o bilionário da tecnologia chegar a uma conclusão precisa e em um intervalo de tempo reduzido para provar que as estimativas do próprio microblog sobre contas falsas e spams não são verídicas

Considerando que nem mesmo a rede social possui um protocolo único a respeito da determinação dessas contas, qualquer outra previsão também será difícil de comparar.

Elon Musk terá muito trabalho pela frente

Após as negociações e a insistência por parte do bilionário, o Twitter concedeu mais do que simples informações sobre spams e contas falsas. Foi disponibilizado o que se chama de “mangueira de incêndio de tweets”

publicidade

Esta é a denominação dada pela plataforma a um mecanismo que possibilita a percepção a respeito de centenas de milhões de tweets que são publicados diariamente pelos usuários da rede social em tempo real.

Especialistas, no entanto, ainda não compreendem como esses dados podem influenciar na decisão de compra do site, tendo em vista que são praticamente impossíveis de serem decifrados.

O que você achou? Siga @bitmagazineoficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

Veja mais ›
Fechar