Conheça 5 dicas para identificar um boleto falso e não cair no golpe (com dica extra)

Mesmo com outras formas de pagamento como Pix e cartão (crédito e débito), os boletos seguem sendo uma das formas preferidas de pagar conta no Brasil. Confira as dicas para não cair no golpe do boleto falso!

publicidade
(Imagem: Stillness InMotion on Unsplash)

Brasil tem recorde de fraude (e boleto falso)

Segundo o Indicador de Tentativas de Fraude da Serasa, somente em 2021 o Brasil registrou 4,1 milhões de movimentações suspeitas de fraude.

É um número recorde desde quando começou a medição, em 2011. O índice teve um aumento de 16,8% em relação a 2020.

publicidade

Claro que os golpes financeiros não envolvem somente as fraudes de boletos. Outras operações como o Pix também têm ganhado fama por estarem com uma alta nas tentativas de golpes nos brasileiros.

Não dá para facilitar para os criminosos, para ajudar você, separamos algumas dicas que podem ser cruciais para não cair em uma cilada.

1. Confira se o aplicativo do banco lê o código de barras

Passo importantíssimo! Confira se o leitor de código de barras do seu banco consegue ler o boleto em questão. Quando dá erro na leitura, é porque o boleto pode ser falso.

2. Fique de olho no nome dos boletos

Além de conferir se o leitor de código de barras do banco está lendo corretamente o boleto, confira sempre os nomes que constam.

publicidade

Os boletos cadastrados em Débito Direto Autorizado (DDA), tanto para CPF quanto para CNPJ, que tenham um nome não reconhecido como beneficiário, devem acender um alerta.

3. Seja um desconfiado e revise boletos que chegam por SMS ou e-mail

Fique de olho em cobranças que chegam em cima da hora. Principalmente os boletos que chegam como “segunda via” quando não foram solicitados.

4. Confira a numeração da instituição financeira e do banco

Os primeiros dígitos do código de barras do documento indicam o código do banco emissor. Faça esta checagem quando estiver desconfiado de fraude. É só entrar no site da Febraban para conferir os números das instituições financeiras.

5. Tenha seu próprio controle sobre as datas de vencimento

Anote e deixe registrado as datas de vencimento dos boletos que precisam ser pagos. É sempre muito importante registrar seus gastos e datas em uma planilha que só você tenha acesso.

publicidade

Dica extra: valores discrepantes em boleto falso

Mesmo que o valor esteja correto, não quer dizer que o boleto seja verdadeiro. Porém, mais um alerta é a diferença entre o valor descrito no documento e o valor apresentado na hora de pagar. Fique atento!

O que você achou? Siga @bitmagazineoficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

Veja mais ›
Fechar