De quem é a culpa dos bugs de Cyberpunk 2077? A desenvolvedora tenta se esquivar dos problemas

Mesmo tendo sido um dos jogos mais aguardados dos últimos tempos, Cyberpunk 2077 fez fama mesmo por outro motivo, a quantidade de problemas que o jogo apresentou no seu lançamento. 

publicidade
culpa dos bugs em Cyberpunk
(Imagem: Reprodução / Cyberpunk)

O acontecimento deixou os fãs do jogo enfurecidos com a CD Projekt Red na época, mas agora, rumores indicam que a culpa dos bugs em Cyberpunk 2077 pode não ter sido totalmente da empresa.

Que o resultado do jogo em seu lançamento foi uma porcaria, ninguém pode negar. Encontrar bugs em jogos recém-lançados é algo comum, mas a quantidade de bugs em Cyberpunk 2077 estava em outro patamar. Os problemas eram tantos que patches com vários GB foram introduzidos só para tentar deixá-lo “jogável”. 

publicidade

O problema foi “suavizado” após muitos downloads de correções na versão de PC (mais fácil de inserir atualizações), agora nos consoles, principalmente no Xbox One, o jogo continua uma “draga”.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Rumores indicam que a culpa dos bugs em Cyberpunk 2077 pode ter sido de outra empresa

Obviamente, o resultado de um jogo é de responsabilidade de sua desenvolvedora e produtora, que no caso do Cyberpunk 2077 é a CD Projekt Red. E se a responsável pelo jogo, na verdade, tiver sido enganada?

A primeira a falar sobre o tema foi a Forbes, o vazamento de documentos de um funcionário da Quantic Labs, a empresa que foi responsável pelo controle externo de qualidade do jogo, daria indícios de que, na verdade, a CD Projekt Red foi enganada sobre o estado de acabamento do projeto, o que levou a um lançamento prematuro.

publicidade

A empresa “terceirizada” teria deixado de reportar bugs importantes para a desenvolvedora, enviando relatórios desleixados, listando apenas bugs facilmente encontrados, facilitando seu processo. A empresa tinha uma quota diária de bugs que deveriam ser reportados.

Devido a essas ações, a desenvolvedora passou grande parte do seu tempo focando em problemas triviais do jogo. Como resultado, o jogo estava basicamente “injogável” quando foi ao mercado, e a CD Projekt Red passou mais de um ano tentando resolver esses problemas. Além de sua imagem no mercado ter sido manchada.

Quantic Labs também mentiu sobre equipe

A Quantic Labs já é conhecida por trabalhar com grandes produtoras, incluindo empresas como a Ubisoft, e se aproveitando do seu nome, a empresa teria prometido uma equipe de cerca de 75 profissionais experientes para trabalhar nos testes de Cyberpunk 2077.

Mesmo assim, as fontes indicam que a maioria das pessoas que trabalharam no projeto não tinham nem um ano de experiência na área. A quantidade de trabalhadores no projeto era bem menor do que o prometido, um número que variava de cerca de 30 a 60 pessoas.

publicidade

É claro que nada disso tira a responsabilidade da CD Projekt Red. Como desenvolvedora e publisher do jogo, a responsabilidade por revisar o “serviço” feito pela outra empresa era o mínimo para não entregar um produto com a qualidade tosca, como aconteceu com Cyberpunk 2077.

Agora o que resta é esperar que isso sirva de lição para que outras empresas não cometam os mesmos erros!

O que você achou? Siga @bitmagazineoficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

Veja mais ›
Fechar