Elon Musk toma atitude definitiva sobre trabalho remoto na Tesla

E mais uma vez o homem mais rico do mundo, o bilionário e CEO da Tesla e SpaceX, vai às manchetes, mas dessa vez não por todo o rolo que está sendo a compra do Twitter e sim por causa de um e-mail que ele enviou aos seus funcionários anunciado o fim do trabalho remoto na Tesla.

publicidade
fim do trabalho remoto na Tesla.
Elon Musk quer que funcionários voltem aos escritórias (Imagem: SCREEN POST on Unsplash)

As informações estão contidas em um e-mail enviado aos funcionários da Tesla. Entre as coisas contidas no e-mail, Elon Musk comenta que quem não quiser fazer o mínimo de 40 horas semanais no escritório da empresa deve deixar o cargo.

Fim do trabalho remoto na Tesla

O caso repercutiu no Twitter, a rede social preferida de Musk, onde ele não só não negou ter enviado o e-mail como ainda completou com a frase “eles devem fingir que trabalham em outro lugar”.

publicidade

Além de exigir que os trabalhadores voltem para a  empresa, a carta também pede que os funcionários trabalhem diretamente no escritório da Tesla relacionado com suas próprias funções e não em qualquer filial distante da companhia.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Musk ainda ressaltou que as 40h por semana são menos horas do que o que é exigido dos trabalhadores das fábricas. Além disso, ele disse que ele mesmo morou em uma fábrica da empresa e que só por isso a Tesla sobreviveu.

Obviamente, há empresas que não exigem isso, mas quando foi a última vez que elas entregaram um produto novo excelente? Já faz um tempo”, diz ele no e-mail.

publicidade

Mensagens semelhantes foram enviadas aos funcionários da SpaceX, mas em ambos os casos Musk considera a existência de exceções, que segundo ele deve ser avaliadas de forma individual.

Explosão do trabalho remoto durante a pandemia

O trabalho remoto foi uma modalidade que quase toda a empresa teve que adotar nos últimos dois anos de pandemia e a própria Tesla foi uma das primeiras a tornar remota qualquer função possível. Uma atitude bem diferente de outras empresas que tentaram ao máximo resistir ao movimento.

Como é o caso da Apple, que tentou de início adotar um modelo híbrido onde os funcionários teriam que ir para o Apple Park pelo menos 3 dias por semana. O modelo se provou insuficiente quando a Califórnia teve uma alta de casos da Covid-19 e a companhia se viu forçada a rever sua metodologia. Passou a exigir máscaras no escritório e liberou o trabalho remoto.

Mas agora, com a melhora generalizada na situação da Covid no mundo, as empresas estão voltando à antiga rotina de trabalho presencial, o que não é nenhuma novidade.

O que você achou? Siga @bitmagazineoficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

publicidade
Veja mais ›
Fechar