Mercado Pago quer popularizar transações em criptomoedas

O mercado pago, uma das maiores fintechs da América latina, registrou incríveis 1 milhão de investidores de criptomoedas em cerca de apenas dois meses depois de a empresa fazer o lançamento do serviço de negociações de criptoativos no Brasil.

publicidade
Mercado Pago
(Imagem: Divulgação / Mercado Pago)

Temos observado uma democratização real, com usuários começando a operar a partir de pequenas quantias, e passando a experimentar as criptomoedas pela primeira vez”, explicou o vice-presidente do Mercado Pago, Tulio Oliveira, ao falar sobre o potencial de “inclusão financeira” que a funcionalidade disponibiliza.

Mercado Pago lança campanha voltada ao mercado cripto

Agora, com o objetivo de informar os brasileiros sobre esse mercado, a empresa pretende lançar uma campanha chamada Criptoanimais, que será totalmente focada nos ativos digitais – mas de maneira leve e descontraída, entrando em linha com as propostas de democratização das finanças.

publicidade

O mundo das criptomoedas pode parecer complicado para quem ainda não entrou nesse universo. Para desmistificar essa ideia, nada melhor que animais que todo mundo conhece e ama, cheios de humor e de disposição de ficarem mais modernos”, disseram Sofia Calvit e Juliana Utsch, diretoras de criação da GUT São Paulo, agência que assinou a campanha.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

A ideia é envolver os animais vistos nas cédulas de real em diálogos sobre criptomoedas, que segundo o head de branding do Mercado Pago, Iuri Maia, são o futuro do dinheiro e deverão simplificar a vida das pessoas de formas nunca vistas antes.

Número reforça potencial de mercado para criptmoedas

Essa marca de 1 milhão de usuários ativos em operações com criptomoedas reforça, no Brasil, um quadro que já pode ser observado em vários países mundo afora. Mesmo com o mercado cripto tendo baixas significativas, principalmente o Bitcoin, dados demonstraram que o número de carteiras digitais com algum saldo já ultrapassa os 42 milhões, um número recorde.

Além disso, mesmo num cenário de queda no mercado cripto, várias empresas que investem nesse meio tem tido crescimento acelerado – como o próprio caso do Mercado Pago, que em seu app,  graças a uma parceria com a Paxos, plataforma de blockchain, permite negociações de Bitcoin, Ethereum e USDP (stablecoin) começando a partir de valores ínfimos.

publicidade

Segundo Tulio, hoje em dia o número de pessoas que fazem algum tipo de transação ou operação dentro do mundo das criptomoedas supera o número de pessoas que fazem  transações na Bolsa de Valores.

O que você achou? Siga @bitmagazineoficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

Veja mais ›
Fechar