Missão em Vênus pode desvendar grande segredo

A Organização Indiana de Pesquisa Espacial está envolvida um novo projeto para enviar uma espaçonave para orbitar abaixo da superfície do sistema solar, com o objetivo de revelar tudo que está escondido sob as nuvens de envolvimento sulfúrico do planeta Vênus.

publicidade
Primeira vida na Terra apareceu 300 milhões de anos antes do que se pensava
NASA utilizou telescópio desativado para observar exoplaneta (Imagem: Reprodução / NASA)

A missão ocorrerá depois do envio de missões para Lua e Marte. Segundo o presidente da ISRO, S Somnath, é preciso que os cientistas se concentrem ao máximo em resultados de alto impacto para eficácia do experimento e que a missão Vênus foi elaborada após um relatório pronto.

“Construir e colocar uma missão em Vênus é possível para a Índia em um espaço de tempo muito curto, já que a capacidade existe hoje no país”, declarou Somanath em seu discurso de apresentação da missão.

publicidade

O foco da agência espacial agora é voltado na janela de dezembro de 2024, para estrear com novas manobras orbitais preparadas para o ano seguinte assim que Vênus e Terra estiverem alinhadas. Desta forma, a espaçonave terá mais êxito para ser colocada no planeta vizinho, usando menos propelentes.

Vênus: Presidente da ISRO pede cautela sobre a repetição de experimentos liderados por antigas missões

Segundo Somnath, a próxima janela semelhante estaria disponível apenas em 2031 e alertou os envolvidos a não repetirem experimentos e técnicas que foram utilizados em missões anteriores.

Ao que tudo indica, inovação é o que o presidente espera da missão, afim de que os resultados sejam únicos e causem um alto impacto, assim como foi pelo Chandrayaan-I e pela missão Mars Orbiter.

Um dos novos experimentos a serem testados está uma apuração de processos de superfície estratigrafia subsuperficial rasa, incluindo pontos quentes vulcânicos ativos e fluxos de lava. Será realizado um estudo de toda a estrutura, composição, dinâmica da atmosfera, além da investigação da interação do vento solar com a ionosfera venusiana.

publicidade

Conheça a missão da ISRO – Agência Espacial Indiana

Com sede em Bangalore, a ISRO opera sob o Departamento de Espaço e tem a visão de pesquisar e utilizar a tecnologia espacial para o desenvolvimento nacional, com pesquisa em ciência espacial e a exploração planetária.

O órgão também mantém uma das maiores frotas de satélites de comunicação (INSAT) e satélites de sensoriamento remoto (IRS), que atendem à crescente demanda por comunicação rápida e confiável e observação da Terra.

A ISRO se tornou uma das seis agências espaciais governamentais do mundo que possuem capacidade total de lançamento com missões especiais.

O que você achou? Siga @bitmagazineoficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

Veja mais ›
Fechar