Para os investidores iniciantes, a queda do Bitcoin pode ter sido a primeira vez; fique atento

Na última semana, o Bitcoin tem sido negociada por menos de 25 mil dólares, menor valor de mercado desde 2020. Um motivo de preocupação para os investidores iniciantes, pois essa pode ser a primeira crise enfrentada por eles.

publicidade
Bitcoin cai novamente; negociações ficam abaixo de US$ 30 mil
Bitcoin cai novamente; negociações ficam abaixo de US$ 30 mil. (Imagem: Freepik)

Perda de valor do Bitcoin

O mercado das criptomoedas está abalado. A capitalização está abaixo do trilhão de dólares, menor valor em 18 meses e algumas moedas digitais importantes chegaram a perder o valor na casa dos dois dígitos, de acordo com a CoinMarket Cap.

Cerca de 250 bilhões de dólares deixaram o mercado da criptomoeda. O bitcoin, maior criptomoeda do mundo, teve uma queda de 15,9% entre segunda (6) e terça-feira (7).

publicidade

Um dos motivos desta queda seria os empréstimos em blockchain da companhia Celsius NetWork. A empresa anunciou na segunda-feira (13), a parada dos saques por conta de “condições extremas”, causando uma turbulência no mercado financeiro digital.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Após o anúncio da Celsius, o bitcoin fechou seu menor valor desde 2020, chegando a valer menos de 24 mil reais, seu menor valor em dois anos.

Segundo a Celsius, o bloqueio de saques foi feito “para estabilizar a liquidez e as operações enquanto tomamos medidas para preservar e proteger os ativos”, no anúncio.

publicidade

Medo da recessão

Além do anúncio da Celsius, a maior corretora de criptomoedas por valor de mercado, a Binance, fez um pronunciamento por meio do CEO CZ.

Em tuite feito na segunda-feira (13), CZ anunciou que a corretora Binance suspenderia os saques por cerca de 30 minutos.

Porém, logo após o tuíte, CZ voltou afirmando que o bloqueio poderia durar um pouco mais que isso.

Agora o medo da recessão começou a chegar junto do aumento das taxas de juros nos Estados Unidos, o que já afetou várias Bolsas de Valores ao redor do mundo.

publicidade

Conforme o Índice de Preços do Consumidor (CPI) feito pelo Departamento do Trabalho dos Estados Unidos, houve um aumento de 8,3% de juros nos últimos 12 meses.

Estes índices balançam os mercados digitais e não digitais, pois, atingem economias de vários países, além dos investidores.

Medo do investimento

Segundo o Índice de Medo e Ganância, feito pela Alternative, nos últimos meses os investidores têm tido mais medo de colocar seu dinheiro nas criptomoedas, em especial, no Bitcoin.

No último mês, a métrica alcançou os 14 pontos, o índice mais alto até aquele momento, mas estacionou no índice 11 na segunda-feira (13). Outras criptomoedas também tiveram queda no valor de mercado, caso do Ether, Solana, Avalanche e Polygon.

O que você achou? Siga @bitmagazineoficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

Veja mais ›
Fechar