Quanto tempo você gasta em aplicativos? Pesquisa revela dados alarmantes sobre vício nos smartphones

Mesmo que o número de pessoas isoladas pela COVID-19 esteja diminuindo e a pandemia abrandando, mais usuários ficam com os olhos grudados no celular e por muito mais tempo utilizando aplicativos.

publicidade
(Imagem: Unsplash)

Em novo relatório feito pela data.ai (anteriormente App Annie), os consumidores em mais de 10 países com tecnologia em smartphones em todo o mundo, agora, desperdiçam entre quatro e cinco horas por dia em aplicativos.

Embora o tempo diário gasto varie de acordo com cada país, existem 13 países em que os usuários passam mais de quatro horas por dia usando aplicativos.

publicidade

Os países são: Indonésia, Singapura, Brasil, México, Austrália, Índia, Japão, Coreia do Sul, Canadá, Rússia, Turquia, Estados Unidos e Reino Unido. Os usuários destes locais passam em torno de 5 horas em aplicativos, diariamente.

O uso de aplicativos diminuiu um pouco desde o segundo trimestre de 2020, vale a pena notar que há dois anos foi o auge dos bloqueios sanitários da pandemia.

Por conta disso, houve um aumento no uso dos aplicativos à medida que os usuários trabalhavam, compravam e jogavam, além de estudar e participar de reuniões, escola e eventos em casa.

Ainda assim, os dados sugerem que a pandemia pode ter sido fatal para o aumento nos impactos mais duradouros sobre o mau uso dos aplicativos.

publicidade

Estes usuários que adotaram novas práticas usando as ferramentas durante a pandemia, podem ter continuado mesmo com um retorno “à normalidade” após as vacinas em 2022.

A prova disso, alguns mercados tiveram ganhos significativos no uso de aplicativos nos últimos dois anos.

Na Austrália, por exemplo, os usuários passaram de 3,6 horas para 4,9 horas do segundo trimestre de 2020 ao segundo trimestre de 2022.

Redes sociais e uso do tempo em aplicativos

O relatório mostrou que o aplicativo mais baixado foi o Instagram. O TikTok foi o aplicativo em primeiro lugar sobre gastos do consumidor, limitando aos aplicativos não relacionados com jogos.

publicidade

Surpreendentemente, o Facebook ainda era o número 1 em usuários ativos mensais, à frente do WhatsApp, Instagram, Messenger, TikTok, Telegram, Amazon, Twitter, Spotify e Netflix.

Nos últimos três anos, os jogos também fizeram parte dos aplicativos mais baixados, caso do jogo de nocaute para festas multiplayer Stumble Guys, que subiu 23 posições; e o jogo Fill The Fridge, que subiu 84 posições.

Outro jogo que teve um boom ainda este ano foi o Pokemon GO, graças à nova temporada lançada em 1º de junho.

O que você achou? Siga @bitmagazineoficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

Veja mais ›
Fechar