Shenzhou-14: China lança foguete para missão tripulada desafiadora

A CNSA (Administração Espacial Nacional da China) está se preparando para lançar três astronautas para a estação espacial Tiangong, ainda em construção, como parte da missão tripulada Shenzhou-14. A missão deve durar em torno de 6 meses e tem como objetivo supervisionar as etapas finais de sua construção.

publicidade
missão tripulada Shenzhou-14
Shenzhou-14 vai levar astronautas chineses ao espaço para terminar a estação espacial chinesa Tiangong (Imagem: Reprodução / Xinhua)

Segundo Zheng Yonghuang, engenheiro-chefe do Jiuquan Satellite Launch Center, local do lançamento para a missão, a Shenzhou-14 levará três astronautas para trabalhar e viver no espaço através do Long March-2F, foguete de carga.

Missão tripulada Shenzhou-14

Com cerca de 60 metros de altura, o conjunto da aeronave mais o foguete deve pesar umas 39 toneladas, carregadas por quase 2 quilômetros do prédio de testes e montagem para a torre de lançamento, procedimento que levou cerca de uma hora.

publicidade

“Concluímos toda a montagem final e testes, incluindo o enchimento de propelente da espaçonave. Vamos realizar um teste de interface de sistema em larga escala no sistema de foguetes e, em seguida, proceder a um exercício de todo o sistema que marca a entrada do combo no status de pré-lançamento“, disse Zhang Fusheng, designer-chefe do sistema de espaçonave tripulada.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

A missão deve deixar a China bem mais próxima do seu objetivo de  terminar sua estação espacial em formato de “T”, e mesmo ainda não tendo anunciado os nomes dos astronautas que farão parte da missão, os suprimentos necessários, assim como equipamento, já estão no espaço graças à  Tianzhou-4, realizada em maio, uma missão cargueiro.

China no espaço

A Shenzhou-14 vem um mês após o retorno à Terra dos três astronautas que passaram seis meses na estação espacial. Eles retornaram na cápsula Shenzhou 13, que pousou no deserto de Gobi, região norte do Interior da Mongólia. A Shenzhou 13 foi marcada pela primeira caminhada espacial feita por uma mulher chinesa, Wang Yaping. Além disso, os astronautas da missão também ficaram conhecidos por transmitir, diretamente do espaço, aulas de física para alunos do ensino médio.

O Histórico da China no espaço tem menos de duas décadas, com o primeiro astronauta chinês chegando lá só em 2003. 10 anos depois o país colocou drones na Lua e em 2021 em Marte. No último ano, entretanto, temos ouvido falar na possibilidade de várias missões relacionadas com o nosso satélite natural, incluindo uma missão tripulada.

publicidade

O país também é conhecido na corrida espacial por ser o terceiro país a conseguir mandar um astronauta seu ao espaço de forma independente, ficando atrás da antiga União Soviética e dos Estados Unidos. Ao finalizar a Tiangong, o país também terá completado sua terceira estação espacial, com as anteriores lançadas nos anos de 2011 e 2016.

O que você achou? Siga @bitmagazineoficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

Veja mais ›
Fechar