Xiaomi de olho no futuro: gigante chinesa lança seus óculos inéditos de realidade aumentada

A Xiaomi finalmente anunciou o Mijia Glasses Camera, seu óculos de realidade aumentada que o conceito foi exposto no ano passado. Além do visor OLED e tecnologia de Realidade Aumentada (AR), o óculos da Xiaomi vem com uma câmera dupla de 50 megapixels e até um chip Snapdragon de oito núcleos. Confira!

publicidade
Óculos da Xiaomi
Novo dispositivo AR da Xiaomi (Imagem: Reprodução / Xiaomi Mall via Weibo)

O Mijia Glasses Camera chama a atenção

O produto, que pesa apenas cerca de 100 gramas, vem com a proposta de integrar as tecnologias de imagens inteligentes e realidade aumentada para que todo mundo possa expressar seu “entusiasmo criativo”.

Óculos da Xiaomi
Imagem: Reprodução /
Xiaomi Mall via Weibo
publicidade

O design com certeza não é dos piores que já vimos por aí, principalmente considerando o poder que ele carrega dentro de si.

Porém, está longe de ser algo que você queira sair usando pelas ruas, ou não, cada um com seus gostos estranhos, não é mesmo?!

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Com certeza a aparência meio futurista dos óculos e sua câmera de um lado da armação, com o display óptico no outro, não vai agradar muita gente.

publicidade

Pode ser que seu uso fique restrito a cenários em ambientes fechados, pelo menos até a empresa pensar em uma solução melhor e menos chamativa para o dispositivo.

Por dentro dos óculos da Xiaomi

Mas não é só a aparência do Mijia Glasses que chama a atenção. A Xiaomi colocou no dispositivo configurações encontradas em smartphones intermediários.

A começar pelo conjunto de câmeras, a principal de 50 MP e uma secundária ultrawide de 8 MP e estabilização óptica. Segundo a Xiaomi, essa combinação permite alcançar zoom óptico de 5x e híbrido de 15x.

Além disso, também temos 3 GB de memória RAM e 32 GB de armazenamento interno pareado com um processador Snapdragon octa-core, e um visor OLED com brilho 3.000 nits e tecnologia que bloqueia a luz azul que danifica os olhos.

publicidade

Tudo isso alimentado por uma bateria de 1.020 mAh com suporte a carregamento de 10 watts e sem fio.

Esses componentes trabalham juntos para entregar um AR capaz de fazer tradução de línguas e reconhecimento de imagens em tempo real.

Pensando em pessoas com condições especiais nos olhos, a armação do Mijia tem um sistema que permite que o usuário troque a lente rapidamente para uma mais adequada.

Preço e disponibilidade

Ainda não se tem detalhes sobre as questões de privacidade dos usuários, mas é importante lembrar que as imagens que o óculos da Xiaomi grava, o tempo todo, são processadas em tempo real. Os dados provavelmente estão indo parar em algum lugar, principalmente nas traduções e reconhecimento de imagens.

Caso você não se importe com isso, o Mijia Glasses Camera já está em pré-venda na China por US$370 em um crowdfunding, mas quando chegar na fase de produção em massa, o preço passará para US $400. A empresa não deu informações sobre quando o produto será lançado globalmente.

As informações foram postadas no perfil Xiaomi Mall na Weibo.

O que você achou? Siga @bitmagazineoficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

Veja mais ›
Fechar