Desinstale agora! Aplicativo espião permite gravações por criminosos

Nem as suas conversas faladas estão seguras. O Google alerta sobre aplicativo espião oculto que permite gravações por estranhos. Tudo o que é falado, seja em conversas ou no ambiente, é capturado pelo spyware que pode trazer muito transtorno aos usuários.

publicidade
Hacker analisando dados (Imagem: Nahel Abdul Hadi/Unsplash)
As interceptações vão de dados do GPS até a captura de áudio pelos microfones (Imagem: Nahel Abdul Hadi/Unsplash)

Cuidado com o que fala! Google faz alerta sobre spyware que grava comunicação

A situação está cada vez pior e o usuário de smartphones não tem um dia de paz ao menos. O nome da “desgraça” da vez é doDgy Android, um spyware que controla as informações do GPS do aparelho e grava tudo que é dito através de seus microfones, além de outras interceptações.

Segundo o relatório da Google, o conteúdo gravado de forma ilegal seria enviado a uma organização — ainda desconhecida — que utilizaria qualquer fato “importante” para chantagear o usuário ou coisas piores.

publicidade

O grupo especializado em inteligência de segurança cibernética, o Lab52, fez um completo relatório sobre todo o funcionamento deste aplicativo malicioso, que age diretamente na interceptação e gravação de dados. Algo próximo às ferramentas utilizadas pelos espiões clássicos, principalmente hackers russos apoiados pelo Estado.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Com um nome que passa “tranquilidade”, o app espião acaba informando ao usuário desavisado toda a sua área de atuação. O nome do aplicativo infectado é “Gerenciador de Processos”, sendo exatamente isso que ele faz: toma controle dos processos de captura, envio e armazenamento de dados, inclusive o que se fala próximo aos microfones do dispositivo.

Parecido com as solicitações de aplicativos comuns, ele pede uma série de permissões ao usuário — que ao se distrair e aceitar automaticamente — permite ao spyware agir livremente. Uma vez aceito, o app passa a atuar em segundo plano, fugindo das vistas distraídas do usuário.

publicidade

Aplicativo espião conhecido, mas agentes desconhecidos

Essa tecnologia já foi utilizada anteriormente, por um grupo com ligação direta com o Kremlin em ações de espionagem contra políticos europeus, mas apesar de não ser “novo”, quem está por trás da utilização recente ainda é desconhecido.

A melhor forma de manter a proteção é de tempos em tempos entrar nas configurações do seu dispositivo e rever as permissões concedidas aos apps, qualquer uma que pareça estranha ou “desnecessária” deve ser revogada. 

Os hackers que antes “quebravam” códigos e invadiam por força bruta os sistemas, hoje contam com a falta de conhecimento tecnológico da maioria dos usuários para atacar livremente pessoas desatentas que acreditam estarem seguras. 

Como muitos especialistas de cibersegurança afirmam, “não existe sistema 100% seguro, tudo pode ser quebrado” – mas facilitar o trabalho dos criminosos é uma escolha individual, motivada por desatenção ou ignorância.

O que você achou? Siga @bitmagazineoficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

publicidade
Veja mais ›
Fechar