Elon Musk quer abrigar moradores de rua no prédio do Twitter?

A extensa novela do bilionário e sua aquisição do Twitter ganha novos capítulos. Agora, Elon Musk quer transformar sede da rede social em abrigo para moradores de rua. Qual o objetivo do empresário com essa sugestão? Você vai saber agora.

publicidade
Ações do Twitter disparam após Musk assumir compra
As provocações de Elon Musk ao Twitter não param (Imagem: Wikimedia commons)

“Já que está todo mundo remoto” é o argumento de Elon Musk

O agora homem mais rico do mundo trouxe um novo capítulo para a novela entre ele e sua nova empresa Twitter. Realmente, parece que a vida de bilionário é muito monótona.

Uma chuva tweets de Elon Musk foi postada e apagada, mas o que chamou a atenção foi uma enquete que “perguntava” se moradores de rua em São Francisco deveriam se mudar para a sede do Twitter.

publicidade

“Converta o QG do Twitter para abrigo de sem-teto, já que ninguém aparece de qualquer maneira[?]”.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

A postagem foi deletada depois pelo bilionário – como podemos perceber observando o comentário de um perfil Tesla e a resposta de Elon Musk, antes de o tweet ser excluído do perfil do empresário.

Essas alfinetadas vem movimentando a internet e criando uma sensação de ansiedade muito grande nos funcionários do Twitter, que tem se manifestado contra ou a favor da presença de Elon na empresa, como já noticiamos no Bit Magazine.

Situação pode ficar complicada no ambiente da empresa

O que antes podia ser medo infundado dos funcionários, por desconhecerem as regras e normas que o Twitter tem sobre o poder de decisão dos acionistas, agora, pode acabar se tornando uma realidade com as novas informações que indicam “conflitos internos”.

publicidade

Foi oferecido a Elon Musk uma cadeira no conselho da empresa por dois anos, com a cláusula de impedimento para adquirir novas ações que ultrapassassem os 14,9% do total da empresa. 

O dono da Tesla rejeitou a proposta justamente por esse impedimento. Com esse cenário, podemos até imaginar o empresário dando um jeito de comprar mais ações em breve (poder financeiro para tal ele tem). 

Imagine o que o empresário poderá fazer com os funcionários, estrutura da empresa e cargos executivos se alcançar a maioria das ações (50% +1), trazendo total autonomia decisória? O medo de uma “caça as bruxas” dentro do Twitter deixaria de ser um pesadelo e se tornaria uma realidade.

O que podemos afirmar, é: a novela entre Elon Musk e o Twitter está longe de ter um final. Então, seguimos aguardando os próximos capítulos.

O que você achou? Siga @bitmagazineoficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

publicidade
Veja mais ›
Fechar