Golpe no WhatsApp vai trazer resultados terríveis, não procure facilidades e fuja dos Urubus do Pix

Nunca acredite nas pessoas oferecendo dinheiro fácil, a chance de ser vítima de criminosos é muito grande. A vez agora é do golpe do WhatsApp “Urubu do Pix”, fique de olho e não caia neste exemplo! 

publicidade
Cuidado com os golpes no WhatsApp! (Imagem: Dimitri Karastelev/ Unsplash)

Golpe da urubuzada no WhatsApp

Golpes de WhatsApp são mais comuns do que imaginamos, mas todo o cuidado é pouco quando se oferece dinheiro muito fácil, é melhor ficar atento!

O novo golpe da praça se chama “Urubu do Pix”, que faz uma oferta quase que irrecusável.

publicidade

Funciona assim: uma conta pede um valor x para outra conta desconhecida e promete devolver o dinheiro multiplicado. Um depósito de R$80 garantiria o ressarcimento de R$750. Fácil demais, não é mesmo?

Mas quando a esmola é grande, até o santo desconfia. Com um valor bem abaixo do ressarcimento prometido, o golpe faz com que os bandidos consigam grandes quantias (já que algumas pessoas esperam receber este dinheiro de volta) e também levam dados bancários das vítimas.

Os “urubus criminosos” estão atentos em como fazer este golpe acontecer. É oferecida uma suposta oportunidade “imperdível”, fazendo pessoas que realmente precisam de dinheiro serem enganadas.

As vítimas que estão às vezes desesperadas por dinheiro, pensam ser uma chance de conseguir de forma simples e fácil.

publicidade

Essa “oportunidade” aparece em grandes páginas das redes sociais como Instagram e Twitter ou mesmo em posts que viralizaram. A mensagem é atrativa e fornece um link que redireciona ao WhatsApp, dando início ao golpe.

Nesta conversa, os criminosos explicam como funciona a “oportunidade” e mais, dependendo do caso, enviam uma quantia para tentar convencer a vítima, que por muitas vezes cai no golpe.

Quando finalizado e o Pix feito para os criminosos, além do dinheiro perdido, dados como CPF podem ser repassados para outros bandidos e outros tipos de golpes podem ser feitos a partir daí.

publicidade

Como não cair nos golpes de WhatsApp? 

Dinheiro não cai do céu e não aceita desaforo, então, se a proposta parece ser fácil e simples demais, desconfie!

Além disso, nunca repasse dados sensíveis, como seu CPF para terceiros (mesmo que este dado seja usado recorrentemente, certifique-se de que está repassando de forma segura).

A popularidade do WhatsApp é gigantesca. Segundo a própria empresa, são mais de 2 bilhões de usuários pelo mundo e nem toda essa gente é confiável, certo?! Fique atento para não aceitar ou cair em armadilhas.

Existem vários golpes feitos por WhatsApp e nunca é tarde para se cuidar e configurar o app. Lembre-se de alterar senhas dos e-mails usados para confirmação de conta de tempos em tempos.

Informação: Serasa.

O que você achou? Siga @bitmagazineoficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

Veja mais ›
Fechar