NFT de Steve Jobs pode ser falso; descoberta é feita em leilão

Participantes de um leilão ficaram chocados ao descobrir que a NFT de Steve Jobs podia não ser verdadeira. O artigo em questão se trata de um currículo do magnata industrial que estava sendo leiloado tanto na versão física, “original”, quanto em uma versão NFT.

publicidade
Steve jobs
(Imagem: Reprodução / Wikimedia Commons)

A história por trás da peça é de que ela seria o currículo utilizado por Jobs enquanto procurava emprego na desenvolvedora Atari em 1973, na época, em qualquer setor de tecnologia.

Durante este leilão a peça acabou sendo leiloada por míseros US $130.614, mais ou menos uns R$660 mil reais, um valor bem abaixo de transações anteriores.

publicidade
NFT de Steve Jobs
NFT de Steve Jobs foi feita a partir de item que pode ser falso (Imagem: Divulgação / RR Auction)

Currículo de onde saiu a NFT de Steve Jobs já foi vendido bem mais caro

Em 2018, o currículo havia saído do leilão por dezenas de milhares de dólares a mais do que agora, e em 2021 saiu pelo dobro do preço conseguido 3 anos antes.

Segundo a RR Auction, a peça deveria sair por volta dos US $300 mil, mas uma denúncia de última hora fez com que os lances fossem bem mais “frios” do que o esperado.

Como consequência disso, a casa de leilão até adicionou um texto na página do item, em seu site, dizendo que não tem como comprovar a “originalidade” do currículo. 

publicidade

ATUALIZAÇÃO: Nota: A RR Auction recebeu novas informações de que Jobs tinha um emprego de meio período em 1973 como técnico de reparos no laboratório de psicologia do Reed College. Como tal, não podemos mais afirmar definitivamente que este é o seu pedido de emprego na Atari”, diz a RR Auction em seu site.

As datas não coincidem

Segundo o que foi descoberto, Jobs trabalhava no laboratório de Física do Reed College como assistente de reparos, detalhe que estranhamente não constava no currículo leiloado – algo a ser considerado no mínimo estranho, já que tal experiência com certeza contaria muitos pontos no trabalho que ele buscava na Atari.

Isso não comprova, definitivamente, que o item seja falsificado, mas dá indícios de que pelo menos ele não seja o mesmo currículo utilizado pelo empreendedor para trabalhar nas desenvolvedoras onde ele ficou até começar a Apple.

Mesmo assim, a peça é autenticada sendo confirmada como verdadeira por um dos antigos chefes de Steve Jobs, Allan Alcorn, o que fez o item ser vendido por uma quantia considerável.

publicidade

Agora só nos resta saber se o novo dono irá conseguir fazer a comprovação de originalidade do currículo e talvez recuperar o dinheiro gasto no futuro, lembrando que, caso seja comprovado que a peça é autêntica, a RR Auction havia avaliado que a venda poderia chegar US $300 mil, mais do que o dobro do que foi pago dessa vez.

O que você achou? Siga @bitmagazineoficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

Veja mais ›
Fechar