Pode tomar banho com a Mi Band?

A Mi Smartband é uma das linhas de pulseiras inteligentes mais famosas do mundo. A cada geração eles vão mantendo todas as funcionalidades e tecnologias, fazendo um produto de primeira enquanto adicionam novos recursos. De forma geral, o produto sempre foi focado em ser resistente, não só a quedas e pancadas, mas também a água. Mas será que é uma boa ideia tomar banho com a Mi Band?

publicidade

Hoje em dia aparelhos e eletrônicos que têm algum tipo de amparo contra líquidos, são chamados de “resistentes” à água. O mercado saiu completamente daquela linha de raciocínio de apelidar tais aparelhos de “à prova d’água”, visto que eletrônicos, no geral, não são “à prova d’água”.

Aparelhos classificados com qualquer uma das nomenclaturas acima tem um nível de proteção específico a depender do dispositivo. O consumidor deve ficar extremamente atento às especificações para não dar perda no seu produto.

Mi Band
Pode tomar banho com a Mi Band (Imagem: Divulgação / Xiaomi)
publicidade

Para que serve a Mi Band?

O Mi Band é um produto voltado ao monitoramento da saúde de seu usuário, assim como boa parte dos smartwatches que vemos por aí. Cheio de sensores muito interessantes para monitorar treinos e até o sono, a pulseira consegue medir a frequência cardíaca e até os níveis de oxigenação do sangue, desde que esteja sendo usada, claro.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Suor e chuvas leves não são um problema para o aparelho e por ser tão levinha, em comparação com relógios, as pessoas as vezes nem percebem que estão usando o dispositivo e o levam até para o banho – até porque o dispositivo é vendido com a classificação de “resistente” à água.

Entendendo a resistência à água da pulseira da Xiaomi

Para definir o quão resistente à água um produto é, ele passa por uma série de testes e submetido a uma certificação, junto com a indicação da extensão da tal resistência. No caso dos smartphones, as certificações seguem o padrão IP (Ingress Protection), como no caso do IP 67 e 68. 

publicidade

Já a Mi Band vem com certificação ATM, uma unidade de medida de pressão que usa como ponto de referência a coluna d’água, por exemplo, a Mi Band 4 tem resistência de 5 ATM assegurada pela norma GB/T 30106-2013. Na prática isso quer dizer que o Mi Band 4 pode ser levado a mergulhos de no máximo 50 metros de profundidade.

Mas e aí, pode tomar banho com a Mi Band?

Segundo a empresa, mesmo não especificando o tempo que a pulseira pode ficar embaixo d’água, essa proteção é o suficiente para manter o aparelho seguro enquanto monitora a saúde do indivíduo em exercícios de natação, por exemplo, onde os movimentos exercem alta pressão de água sobre o dispositivo.

Obviamente que se nadar é permitido tomar banho, seja ele rápido ou demorado, não deve apresentar nenhum risco a sua Mi Band. Mas, mesmo assim aconselhamos que, caso decida levá-la ao banho, fique sempre alerta para possíveis infiltrações de água no dispositivo. Mais uma vez, eletrônicos não são à prova d’água. 

Além disso, a Xiaomi diz não ser recomendado submergir com ele em água salgada. Em caso de infiltração de água do mar, inclusive, a garantia não cobrirá os reparos.

O que você achou? Siga @bitmagazineoficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

publicidade
Veja mais ›
Fechar