Quem foi Toots Thielemans, homenageado com Doodle do Google?

Para comemorar o 100° aniversário do músico e compositor Toots Thielemans (1922-2016), o Google está fazendo um dos seus famosos Doodles (suas logomarcas comemorativas) em sua página inicial no Brasil, Estados Unidos e Europa.

publicidade
Toots Thielemans
Doodle de Toots Thielemans na página principal do Google (Imagem: Reprodução / Google)

A ideia dos Doodles surgiu no final dos anos 90, antes mesmo da empresa ser construída, quando Lary e Sergey (fundadores do Google) brincaram com o logotipo da empresa para mostrar que iriam participar do Burning Man, um festival no deserto de Nevada.

O que são os Doodles?

Doodle é uma palavra inglesa que no português pode ser traduzida como “rabiscos”, se referindo a um tipo de esboço ou desenho feito ao acaso. No geral, são ilustrações simples e descontraídas, uma ótima combinação com a proposta do buscador mais utilizado do mundo.

publicidade

O Google vem utilizando esse formato para celebrar várias datas comemorativas e, ao longo desses anos, a empresa diz já ter criado e utilizado mais de 5 mil doodles ao redor do mundo – já que os doodles são tecnologias localizadas para refletir datas comemorativas relevantes para determinadas regiões.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

A empresa tem até uma equipe focada apenas na criação destas artes, os chamados “doodlers”. A ilustração do belga tocando gaita foi criada pela artista plástica americana Melissa Crowton.

Toots Thielemans

Toots Thielemans foi um músico nascido na Bélgica no dia 29 de abril de 1922. Ele era bastante conhecido por suas habilidades com violão e por suas composições, mas era na gaita que ele se destacava ainda mais. O pequeno instrumento parecia brilhar nas mãos talentosas do belga que produzia sons comoventes.

publicidade

Em 1952, ele foi para os Estados Unidos, onde se juntou à All-Star, banda de Charlie Parker, mas também colaborou com Dinah Washington, Miles Davis e outras lendas do jazz.

Sua fama aumentou ainda mais após a gravação de Blusette, em 1961, um padrão de jazz que tem o assobio como característica principal, perfeito para ser executado com uma gaita.

Toots Thielemans gravou 21 discos, sendo considerado um tocador de gaita sem igual, além de um verdadeiro mestre do jazz.

Ele se destacou em comerciais de Old Spice e Firestone mas também teve participação frequente em trilhas sonoras de filmes como The Midnight Cowboy, The Getaway e The Sugarland Express.

publicidade

O produtor musical Quincy Jones, com quem Toots havia colaborado em diversas ocasiões, o considerava “um dos maiores músicos do nosso tempo”.

Uma de suas colaborações mais acessíveis, e também uma das suas composições mais conhecidas, é sem dúvidas o tema de encerramento do seriado infantil Vila Sésamo.

Toots faleceu aos 94 anos, no dia 22 de agosto de 2016. Mas, mesmo após sua morte, as pessoas continuaram a colecionar e exibir seus discos, autógrafos e até canhotos de ingressos.

Vários museus até hoje exibem instrumentos de sua coleção pessoal  e itens doados.

Realmente um gênio que deixou sua marca na história! O que você achou da homenagem do Google ao Toots Thielemans?

O que você achou? Siga @bitmagazineoficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

Veja mais ›
Fechar