Até bilionário não gosta de gastar! Elon Musk diz que fábricas da Tesla queimam dinheiro

Parece que nem Elon Musk consegue escapar da crise. O empresário, considerado o homem mais rico do mundo, fez comentários negativos sobre a performance das suas novas fábricas na Alemanha e nos Estados Unidos. Segundo o bilionário, suas novas unidades estão queimando dinheiro!

publicidade
queimando dinheiro
(Imagem: Martin Geiger on Unsplash)

Elon Musk reforça opiniões negativas

Elon Musk está preocupado com o andamento das operações em suas empresas. Na opinião do empresário, as interrupções na distribuição de peças causadas pelos lockdowns estabelecidos na China estão fazendo com que suas fábricas percam bilhões de dólares e até as chamou “fornos gigantes de dinheiro”, insinuando que elas só estão queimando recursos. As declarações foram publicadas pela BBC.

As fábricas de Berlim e Austin são gigantescas fornalhas de dinheiro agora. É realmente como um rugido gigante, que é o som de dinheiro pegando fogo“, disse o CEO da Tesla.

publicidade

Lockdown na China é motivo para desperdício de dinheiro

O problema do lockdown na China tem afetado toda a indústria da tecnologia, afinal, o país abriga várias fábricas que são responsáveis não só por desenvolver componentes como em alguns casos até produtos completos

NOTÍCIAS RELACIONADAS

É aí que a Tesla entra. Uma de suas fábricas essenciais para a produção dos veículos está localizada em Xangai. Toda essa paralisação fez com que a produção de unidades dos seus veículos elétricos caíssem bastante, tanto na China quanto na Califórnia, para onde parte dos componentes vão.

A produção na China não é o único motivo. Segundo Musk, vários dos componentes necessários para manter as suas outras fábricas ainda estão presos em portos chineses. Sem eles fica bem difícil produzir a quantidade necessária de baterias convencionais.

publicidade

Reestruturação da fábrica de Xangai

Mas parece que os problemas por lá ainda não chegaram ao fim. Elon Musk pretende fazer uma reestruturação completa da fábrica em Xangai nas duas primeiras semanas de julho. 

Os últimos dois anos foram um pesadelo absoluto de interrupções na cadeia de suprimentos, uma coisa após a outra, e ainda não estamos fora disso”, disse Musk.

Durante este tempo, ela deve ficar inoperante, mas novos planos e metas serão traçados para adequar a produção às condições adversas atuais.

Elon Musk e desafios para aumentar a produção

No momento, o empresário aponta a falta de baterias como a principal barreira para aumentar a produção dos seus carros.

publicidade

No caso da fábrica de Berlim, ele comenta que a situação é um pouco mais tranquila, já que a unidade produz apenas veículos que utilizam as baterias 2170, sendo mais fáceis de ser produzida. Já a fábrica do Texas necessita das novas baterias 4680.

A situação tem impactado severamente no andamento da empresa, que recentemente teve de recorrer a demissões e aumento no preço dos veículos para contrapor o problema do aumento nos preços dos materiais, consequências de distribuição.

O que você achou? Siga @bitmagazineoficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

Veja mais ›
Fechar