Mineração de Bitcoin está acabando no mundo; entenda

Na última sexta-feira, o Bitcoin atingiu um marco histórico como a maior criptomoeda capitalizada no mercado dos ativos digitais. Segundo informações da comunidade cripto, o 19° Bitcoin foi minerado no dia 1º de abril. A moeda digital, contudo, parece está chegando ao fim.

publicidade
Mineração de Bitcoin está acabando; entenda
Mineração de Bitcoin está acabando; entenda. (Imagem: Pixabay)

O número chama a atenção quanto ao nível de mineração do Bitcoin, que pode estar acabando. A criptomoeda de número 19° milhão agora faz parte do bloco 730002 após a mineração terceirizada pela SBI Crypto, que se beneficiou com a aquisição de 6,32 BTC, o equivalente a US$ 293.000 como recompensa pelo bloco. 

Agora, restam apenas dois milhões de Bitcoins a serem minerados. A previsão é para que todos eles já tenham conquistado um novo rumo até o ano de 2140.

publicidade

É importante destacar que apesar da preocupação quanto ao Bitcoin estar ou não acabando, a oferta da moeda é controlada mediante a emissão de, no máximo, 21 milhões de unidades. 

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Mineração caiu pela metade

O curioso é que a emissão de novas criptomoedas é reduzida pela metade a cada quatro anos em média. Isso porque, cada minerador que consegue encontrar uma solução matemática capaz de vincular um novo bloco ao último que foi criado, obtém uma recompensa em Bitcoin

Esta ação é denominada de halving, que consiste na redução de 50% da costumeira recompensa. Esta espécie de condição é colocada em prática a cada 210.000 blocos. Estes blocos surgiram entre o período de 2009 a 2012. Na época, cada bloco era composto por apenas 50 Bitcoins, cujo resultado era a geração de 7.200 novas moedas diariamente. 

publicidade

Entretanto, a última redução aconteceu em meados de maio de 2020. Na época, a emissão da criptomoeda caiu para 6,25 moedas a cada novo bloco encontrado. O número equivale a 900 Bitcoins por dia. Sendo assim, com a oferta controlada em meio à demanda crescente, o Bitcoin se valorizou ainda mais em relação às demais moedas digitais. 

De acordo com o portal Bitcoin Block Half, o próximo halving na mineração do Bitcoin deve ocorrer no dia 9 de maio de 2024. O halving deve acontecer assim que o bloco de número 840.000 foi atingido, reduzindo a emissão de novas moedas para 3,25 a cada novo bloco descoberto. 

Novo chip de mineração de Bitcoin é lançado

Enquanto isso, a Intel anuncia o lançamento de um novo chip de mineração de Bitcoin, a segunda geração do dispositivo é denominada de Blcksale ASIC. Segundo a empresa de tecnologia, o novo chip será mais eficiente e já deve começar a ser enviado no terceiro trimestre de 2022. 

O chip é composto por um processador de circuito integração de aplicação específica (ASIC), o Hash Algorithm-256 (SHA-256); operação de taxa de hashes de até 580 GH/s; eficiência energética de até 26 J/TH; capacidade de detecção de temperatura e voltagem do chip; suporte para 256 circuitos integrados por cadeia. 

O que você achou? Siga @bitmagazineoficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

publicidade
Veja mais ›
Fechar