Xiaomi 12 chega ao Brasil com preço exorbitante

A tecnologia aprimorada da Xiaomi é representada em aparelhos que se tornaram fortes concorrentes da famosa Apple. Inclusive, melhorias significativas respaldaram pesquisas e comparações entre os aparelhos de ambas as marcas. No que compete às câmeras, por exemplo, as avaliações da fabricante chinesa têm se destacado.

publicidade
Novo Xiaomi chega ao Brasil com preço exorbitante
Novo Xiaomi chega ao Brasil com preço exorbitante. (Imagem: Divulgação/Xiaomi)

O novo aparelho, em sua 12ª versão, começou a ser vendido no Brasil. Porém, quem se mantinha fielmente na expectativa para adquiri-lo poderá repensar essa decisão, tendo em vista o preço exorbitante. Conforme um anúncio da gigante chinesa, o preço sugerido para o Xiaomi 12 é de R$ 9.499. 

A ficha técnica do celular está recheada de melhorias e novidades, concorrendo diretamente com grandes rivais como a Samsung, Motorola e Realme. No que compete ao patamar de preço, nota-se a semelhança com a cobrança pelos modelos mais recentes do iPhone. 

publicidade

Ficha técnica do Xiaomi 12

Um dos destaques do Xiaomi 12 está na tela que foi reduzida de 6,81 polegadas no Mi 11 para 6,28 polegadas na nova geração. De acordo com o gerente de marketing, Thiago Araripe, a mudança visa facilitar o uso do smartphone com uma só mão, o que, por vezes, não era possível durante o uso de determinadas funções em outros aparelhos.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

A nova versão vendida no Brasil conta com uma memória RAM de 8GB e armazenamento de 256 GB. A princípio, ela virá somente nas cores azul e preto. Posteriormente, será comercializado na cor rosa aos consumidores brasileiros assim que um novo lote chegar ao Brasil. 

Na oportunidade, o executivo comentou que o valor próximo à casa dos R$ 10 mil realmente pode assustar os consumidores. “Trata-se de um produto pensado para um nicho. Lá fora ele também tem preço alto. A importação para o mercado doméstico pesou ainda mais”, explicou.

publicidade

O sistema de câmeras do Xiaomi 12 é dividido da seguinte maneira:

  • Principal de 50 MP (f/1.9);
  • Ultra wide de 13 MP (f/2.4);
  • Teleobjetiva + macro de 5 MP (f/2.4);
  • Frontal (selfies) de 32 MP (f/2.5);

Conforme evidenciado pela marca chinesa no Brasil, a ferramenta ProFocus implementada no aparelho tem o objetivo de focar na região dos olhos da pessoa ou bicho de estimação. Enquanto isso, a função Ultra Night Video promete capturar 51% a mais de luz em ambientes pouco iluminados. 

A ficha técnica do novo Xiaomi conta com um processador Snapdragon 8 Gen 1, um octa-core da Qualcomm que chega a 3,0 GHz e GPU Adreno 730. O celular é o quarto celular mais avançado do sistema Android em março, de acordo com a AnTuTu. Destacando que o aparelho também foi fabricado na versão Pro, embora ainda não haja uma previsão de lançamento no Brasil. 

publicidade

Resumo dos principais recursos:

  • Tamanho da tela: 6,28 polegadas;
  • Resolução da tela: Full HD (2400 x 1080 pixels);
  • Painel da tela: OLED;
  • Câmera traseira: Principal de 50 MP, ultra wide de 13 MP e teleobjetiva + macro de 5 MP;
  • Câmera frontal (selfie): 32 MP;
  • Sistema: Android 12;
  • Processador: Qualcomm Snapdragon 8 Gen1 (octa-core de até 3 GHz);
  • Memória RAM: 8 GB;
  • Armazenamento (memória interna): 256 GB;
  • Cartão de memória: Não;
  • Capacidade da bateria: 4.500 mAh;
  • Peso: 180 gramas;
  • Dimensões: 152,7 x 69,9 x 8,16 mm;
  • Cores: Preto e azul;
  • Anúncio: Dezembro de 2021;
  • Lançamento (Brasil): 10 de maio de 2022;
  • Preço de lançamento: a partir de R$ 9.499.

O que você achou? Siga @bitmagazineoficial no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

Veja mais ›
Fechar